sábado, 11 de agosto de 2018

Pais inspiram filhos na escolha da profissão


Pais e filhos podem ter diferenças entre si, mas também compartilham muitas coisas em comum. Num ambiente onde existe uma boa relação familiar, a admiração pelo pai pode influenciar positivamente na vida do filho, inclusive naquilo que é sempre um grande passo na vida de qualquer adolescente: a escolha da profissão.
Uma pesquisa pela Teenager Assessoria Profissional mostrou que os pais são responsáveis por influenciar o curso escolhido de até 72% dos candidatos a uma vaga na universidade. Porém, para Miguel Isoni Filho essa influência foi muito natural. Ver o pai bem sucedido na carreira foi um grande incentivo para ele. Juntos, eles fundaram a Fabwork, empresa que tem como objetivo promover a inovação e empreendedorismo de impacto e tecnologia por meio do desenvolvimento e evolução de empreendedores e startups exponenciais.
“Meu pai aprendeu desde menino, com meu avô, a lidar com o mundo do empreendedorismo e inovações, hoje, aos 64 anos, ele tem me ensinado a encarar os desafios da vida empreendedora e agir, pois para todo problema existe solução”, analisa Miguel Isoni Filho.
Para Danielle Azevedo, psicóloga do Hapvida Saúde,  essa orientação dos pais é muito importante, mas é preciso ter cuidado para não influenciar os filhos na hora da escolha. “Os pais precisam estar junto dos filhos, orientar, aconselhar, mas precisam ter em mente que o que deve prevalecer, nesse caso, é o desejo do adolescente”, afirma.
Ter duas gerações diferentes na gestão de um negócio pode ser algo positivo para empresa e para os profissionais. “Eu aprendo muito com meu filho como profissional. Ele me ensina a ter uma visão moderna e exponencial de um mundo extremamente competitivo. O que fizemos na Fabwork foi colocar a capacidade, experiência e talento de cada, a serviço desse sonho. Eu sou a parte operacional e Miguel é quem vende e é responsável pela parte de relacionamento”, finaliza o pai, Miguel Isoni.
Assessoria 


← ANTERIOR PROXIMA → INICIO

0 Comments:

Postar um comentário

MUSEU VIRTUAL DA NAÇÃO

MUSEU VIRTUAL DA NAÇÃO
FREI CIRILO, ZEZO COUTINHO E BIBI MARACAJÁ

Editorial