sexta-feira, 29 de junho de 2018

Salão de Artesanato da Paraíba recebe a Curadoria nesta quinta, em Campina Grande


O 28º Salão de Artesanato da Paraíba, com o intuito de fomentar a produção e identidade cultural do artesanato paraibano, recebe, nesta quinta-feira (28), a partir das 13h, a presença da Curadoria. Na ocasião, a equipe técnica, composta por José Nilton da Silva e Geolagens de Oliveira, realizará um teste de feitura de obras, para admitir novos artesãos, e assim comprovar o domínio técnico sobre a obra.

“A identidade cultural é o alicerce da consciência de um povo”. É através desta afirmação que José Nilton da Silva, da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) e presidente do Conselho Curador do Programa de Artesanato da Paraíba (PAP), destaca as diretrizes da curadoria enquanto recuperação de identidades. Vale lembrar que o objetivo da curadoria, em especial, é certificar novos artesãos como forma de fomentar projetos inovadores, sustentáveis e de alto potencial comercial.

Ele fala ainda que “para se cadastrar e realizar as provas os interessados devem se dirigir à coordenação do 28º Salão e apresentar cópia do RG, comprovante de residência e duas foto 3x4, além do material a ser utilizado para confecção da peça. Feito o teste, a comissão de curadores avalia e identifica as peças dando assim um parecer técnico”, ressaltou, o professor.

Após a aprovação pelos curadores, os artesãos recebem uma carteira de identificação válida em todo território brasileiro. Servem de parâmetro avaliativos - a tradição cultural passada de geração a geração;  a transmissão oral, com o fabrico da peça; e sua funcionalidade, sejam elas - utilitárias, decorativas ou lúdicas.

Para cadastramento no PAP e realização das provas os interessados devem se dirigir à coordenação do 28º salão, localizado na Av. Severino Bezerra Cabral, vizinho a Caoa Hyundai.

Assessoria 


← ANTERIOR PROXIMA → INICIO

0 Comments:

Postar um comentário

Editorial