sábado, 24 de março de 2018

Ricardo revela 'espanto' com decisão da Justiça Eleitoral que o proibiu de citar João Azevedo

O governador Ricardo Coutinho (PSB) protestou contra a decisão da Justiça Eleitoral que o proibiu de citar o nome do secretário de Infraestrutura do estado, João Azevedo (PSB), pré-candidato a governador, nas plenárias do Orçamento Democrático e do Empreender até o dia 7 de abril. O socialista disse que recebeu a notícia com “espanto” e prometeu recorrer.
“Como um secretário, nomeado pelo governador, no uso de suas atribuições não pode participar de uma plenária do Orçamento Democrático e que eu, governador, que sou político com muita honra, não posso falar de futuro, sobre eleições?”, questionou.
Ele disse ainda que não tem R$ 100 mil para pagar as multas, em caso de descumprimento, e avisou que não ganhou as eleições para ser gerente do estado, mas para praticar a atividade política.
“Não tenho esse dinheiro. Com todo respeito que eu tenho à Corte, espero a revisão disso. Nós não podemos estar num estado de direito em que o político não pode falar de política e um secretário não pode participar de uma atividade do governo”, concluiu.
O secretário João Azevedo está proibido de participar das plenárias até o próximo dia 7 e também prometeu recorrer da decisão. 
Paraiba.com.br


← ANTERIOR PROXIMA → INICIO

0 Comments:

Postar um comentário

Editorial