domingo, 25 de março de 2018

Google agora exige que apps peçam autorização antes de coletar crash report

Vários desenvolvedores de apps estão relatando em um tópico do Reddit que a Google está lhes enviando emails informando que suas aplicações estão violando os termos de uso da Play Store. A empresa estaria solicitando que apps agora passem a pedir autorização explícita do usuário antes de coletar relatórios de falha nas aplicações, também conhecidos como “crash reports”.
Segundo os desenvolvedores, a Google estaria exigindo que os apps para Androidpassem a seguir as regras conhecidas como “Prominent Disclosure Requirement” para coletar esses relatórios. Em outras palavras, não basta apenas informar nos termos de uso da ferramenta que dados do aparelho e do sistema serão coletados quando um app fechar inesperadamente ou apresentar algum problema. Além disso, antes de coletar esses dados, os apps terão que mostrar uma popup na tela do smartphone pedindo autorização para tal.
O curioso dessa situação toda é que, até o momento, desenvolvedores do Android vinham trabalhando sobre o pressuposto de que relatórios de falhas não eram dados sensíveis pelos quais é possível identificar um usuário. Portanto, nesses casos, as regras do Prominent Disclosure Requirement não se aplicariam. Parece, entretanto, que o entendimento da Google mudou, e a empresa começou a exigir autorizações explicitas.

Prazo

No email que os desenvolvedores estão recebendo, lê-se o seguinte: “Você deveria considerar adicionar um diálogo notificando os usuários da coleta de informações de usuário durante relatórios de falha, pedindo o consentimento deles antes da coleta ser realizada”, diz a empresa.
Faça as modificações necessárias em até 30 dias, ou seu app será removido da Play Store
A Google deu um prazo para que essas modificações sejam aplicadas e explicou que podem haver penalidades. “Por favor, faça as modificações necessárias para deixar seu app funcionando de acordo com as regras em até 30 dias a partir da emissão desta notificação, ou seu app será removido da Play Store”.
Os desenvolvedores que trouxeram o assunto à tona explicam que usam recursos pré-prontos de coleta de relatórios de falha, inclusive recursos bem comuns entre desenvolvedores Android. Por isso, se você também tem algo do tipo em seu app, é bom conferir os detalhes dessa notificação aqui e ver se você também precisa fazer alguma coisa.
Tec Mundo 


← ANTERIOR PROXIMA → INICIO

0 Comments:

Postar um comentário

Editorial