quinta-feira, 4 de janeiro de 2018

GESTÃO MARCHA LENTA: pela 3ª vez Cartaxo lança edital para projeto no Centro Histórico

 O prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo, lançou nesta quinta-feira (04), pela terceira vez o edital para seleção no projeto de moradia da Villa Sanhauá, no Centro Histórico da cidade. Nas duas vezes anteriores em que o prefeito havia lançado os editais para seleção de moradores, em 2014 e 2016, as obras não haviam saído do papel.
Os candidatos selecionados receberão a concessão de direito real de uso onerosa por 20 anos, podendo ser prorrogado. O que significa dizer que os moradores viverão em imóveis pertencentes à Prefeitura de João Pessoa por 20 anos pagando uma taxa mensalmente. Já os pontos comerciais voltados para o ramo de alimentos, turismo e atividades culturais, artesanais ou relacionados à cultura regional, terão concedidas permissões de uso onerosa por um ano, também prorrogável.
Segundo o prefeito Luciano Cartaxo, “as pessoas vão pagar um pouco menos de 10% do salário mínimo e tenham certeza que a qualidade do empreendimento vai atrair muitas pessoas”.
A autorização das obras de restauração e revitalização das moradias foi concedida somente em agosto de 2017. Segundo informações da assessoria de imprensa da prefeitura, as obras estão em 69% adiantadas e a expectativa é que as residências sejam entregues em até 100 dias.
Os interessados devem fazer a sua inscrição na Secretaria de Habitação, que fica localizada no bairro de Jaguaribe no prazo de 30 dias. As 17 moradias e seis pontos comerciais ficam localizadas na rua João Suassuna, no bairro do Varadouro.
Luciano Cartaxo destacou durante a assinatura do edital que “os casarões estavam abandonados há décadas. E hoje a gente vai ter a oportunidade de trazer moradia, de trazer qualidade de vida pro Centro Histórico, de fortalecer a nossa economia”. Ele ressaltou ainda que o projeto é feito com recursos próprios da prefeitura “para resolver um problema histórico da nossa cidade”.
As pessoas envolvidas com atividades culturais e de valorização da cultural local terão prioridade na seleção de moradores dos casarões. O prefeito Luciano Cartaxo ressaltou que “é importante a gente estabelecer esses critérios de fortalecimento da economia criativa da nossa cidade trazendo as pessoas que têm algum vínculo histórico com a cidade, com as nossas raízes”.
As candidaturas devem passar por análise de mérito, por meio de critérios públicos e imparciais listados no edital. Os resultados do processo de seleção serão divulgados no Semanário Municipal. (com clickpb)postado por fernando coutinho
naçãoruralista.com.br


← ANTERIOR PROXIMA → INICIO

0 Comments:

Postar um comentário

Editorial