sexta-feira, 4 de agosto de 2017

Benjamin revela otimismo com governo Temer e contesta Diretas Já: ‘vai contra nossa Constituição’

“Isso vai contra a nossa Constituição. Não podemos ficar mudando a nossa Carta Magna. Precisamos assumir posições e defender o melhor para o País”, foi o que declarou o deputado federal Benjamin Maranhão (Solidariedade) sobre a possibilidade de serem realizadas novas eleições no Brasil, caso o presidente Michel Temer (PMDB) fosse afastado.

Em entrevista concedida ao portal Paraiba.com.br nesta quinta-feira (03), o parlamentar revelou que espera um decréscimo na crise política e econômica do país com o governo do peemedebista: “a expectativa é de que ele consiga colocar a economia nos eixos e reduzir esse índice de desemprego que assombra o nosso Brasil”.
Na última quarta-feira (02), Benjamin votou favorável ao arquivamento da denúncia contra Temer e a continuidade do seu governo. Além dele, Aguinaldo Ribeiro (PP), André Amaral (PMDB), Efraim Filho (DEM) e Rômulo Gouveia (PSD) e Hugo Motta (PMDB) votaram sim ao parecer para que Temer não fosse investigado.
Damião Feliciano (PDT), Luiz Couto (PT), Pedro Cunha Lima (PSDB), Veneziano Vital do Rêgo (PMDB) e Wellington Roberto (PR), foram favoráveis às investigações. O petebista Wilson Filho se ausentou da votação.

Yves Feitosa

Nenhum comentário:
Write comentários

Disqus Shortname

Hey, we've just launched a new custom color Blogger template. You'll like it - https://t.co/quGl87I2PZ
Join Our Newsletter